Publicado por: diariodebloco | abril 10, 2010

o dia depois de tudo

quarta-feira, 14h00, Santa Teresa, Morro dos Prazeres

Os efeitos da chuva, assim como os mortos, começaram a ser contabilizados nos dias seguintes à tempestade. Na Redação era assustador contabilizar a quantidade de vítimas diante do temporal dessa semana. O Rio de Janeiro nunca havia sentido de forma tão forte as consequências do aguaceiro. No Morro dos Prazeres, em Santa Teresa, a cidade começava a perceber a imagem da tragédia. Um deslizamento de terra havia levado cerca de cinquenta pessoas no desabamento de uma encosta. A favela estava de luto e isso a gente percebeu logo quando chegou. Na entrada do morro, dizeres do tráfico de drogas e pessoas mal-encaradas. Dá pra entender o que achar da mídia naquela hora? Subíamos a favela imaginando o que encontrar. Virando uma esquina repleta de casas feitas de tijolo, um grande deslizamento lambia a pista com lama e destroços. No meio da terra, um carro táxi. Ou parte dele.

No alto do morro, onde ocorreu a pior queda de barreira, retroescavadeiras já trabalhavam arduamente contra o tempo. Apesar de uma grande porção de horas já terem passado, ainda havia esperanças na cabeça dos familiares das vítimas. Elas falavam a todo momento que alguém poderia ser salvo. Os olhos marejados acompanhavam cada gesto e movimento dos bombeiros em cima da terra. Prédios com 4 a 5 andares estão por todos os lados na rua onde a encosta desceu. Mas os andares acima do pavimento térreo geralmente são réplicas dos andares abaixo de cada construção. Os moradores mais antigos transformaram suas casas em pequenos prédios, mas sem nenhuma estrutura técnica adequada. Isso se repete em todas as favelas do estado. E não é nenhuma novidade que as defesas civis municipais não tenham acesso a esses lugares por causa da criminalidade. Enquanto entrevistas eram feitas com moradores, jovens passavam de moto em alta velocidade. Nos muros, as letras C e V.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: